Como Cultivar Brotos

Germinar feijão, outros vegetais, sementes e grãos é uma maneira fácil de aumentar o fator nutritivo de ingredientes simples. Fazendo uma alfafa ou lentilha brotar, você pode intensificar os micronutrientes e integrar uma deliciosa comida ativa na sua dieta.

Os brotos são deliciosos e são também uma refeição surpreendente que você pode preparar em casa com um número pequeno de ingredientes e passos. Aprenda o processo básico e as instruções específicas para legumes, grãos, sementes e até como cultivar microvegetais.

Veja o passo 1 para mais informações.

Método 1 de 5: Orientações Básicas e Materiais

  1. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 1
    1

    Escolha um tipo de broto para começar. Sementes orgânicas, feijões ou castanhas são todos brotáveis usando o mesmo método básico. Certifique-se de pegar sementes orgânicas adequadas para brotos comestíveis e sem pesticidas. Muitas sementes à venda, usadas para plantio, são pré-cobertas com fungicidas, pesticidas e outras coisas que você não vai querer comer. Experimente várias sementes e legumes para saber quais tipos de brotos você gosta mais. É preciso poucas preparações e suprimentos para começar. Escolha entre:

    • Sementes como gergelim, girassol, trigo sarraceno ou abóbora
    • Legumes ou feijões como feijão-verde (ou feijão-mungo), lentilha, grão-de-bico, feijão-azuqui ou ervilha verde
    • Grãos inteiros como cevada, milho, trigo, quinoa, amaranto ou centeio
    • Sementes de hortaliças como alfafa, trevo, rabanete, couve, repolho, fenacho ou nabo

    Anúncio

  2. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 2
    2

    Deixa as sementes num pote com água filtrada para passar a noite. Ponha água suficiente para cobrir as sementes e deixe lá. Cubra com um morim ou algum tipo de malha: uma meia fina, parte de uma tela fina, qualquer coisa que você possa colocar e drenar facilmente por ela está perfeito.

    • Qualquer tipo de pote de vidro é perfeito para preparar brotos. Potes de conservas ou outros recipientes de vidro podem ser reutilizados para isso. Se o seu pote de conserva tem o anel de metal ao redor da boca do vidro, use-o para segurar a malha que estiver cobrindo no lugar, ou pode usar um elástico de cabelo ou outro tipo de elástico para fazer isso.
    • Se quiser cultivar microvegetais como brotos de trigo (também conhecidos como “wheatgrass”) ou brotos de ervilha, você vai precisar de um canteiro, terra e um pouco mais de tempo.
  3. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 3
    3

    Drene a água e lave seus brotos duas vezes ao dia. Em geral você deve lavar qualquer tipo de broto a cada manhã e ao anoitecer, depois drená-los bem para promover a germinação, sem removê-los do pote.

    • Quando estiver germinando legumes, é comum despejar água dentro depois de alguns dias para quebrar as cascas e deixar os brotos se formarem.
  4. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 4
    4

    Mantenha o ambiente apropriado para a germinação. Para controlar a umidade, lave os brotos periodicamente e mantenha uma temperatura equilibrada para incentivar o crescimento. Deixe os brotos em temperatura de 10 a 21° C.

    • Se sua casa for muito fria durante alguma época no ano, talvez você precise um aquecedor. Um aquecedor de 8 watts para terrários de répteis colocado sob um sprouter vai ajudar, e não vai nem cozinhá-los e nem arruinar sua germinação.
    • Alguns brotos como o rabanete, brotam melhor no escuro, mas precisam ficar na luz depois de brotarem para poderem ficar verdes e crescer mais. Em geral, a maioria dos brotos ficam muito bem na luz e em condições de temperaturas ambientes normais.
  5. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 5

    5

    Use os brotos assim que estiverem prontos. Assim que estiver satisfeito com o comprimento deles, aproveite-os em sanduíches, saladas ou sopas. Eles durarão na geladeira por cinco dias e depois podem começar a ficar marrons e um pouco pegajosos o que significa que é hora de cultivar outros e jogar estes fora.

    • Cada variedade de broto difere um pouco na quantidade de tempo e no cuidado adequado deles assim que estiverem na água e germinado por várias horas. Alguns podem permanecer no pote por alguns dias para crescer mais, enquanto outros precisam ser replantados num canteiro para um melhor crescimento e mais sabor. Consulte a seção abaixo para mais informações sobre o tipo específico de brotos que você quer cultivar. [1]
    • Alguns brotos precisam ser descascados depois de brotarem por alguns dias. Mexa-os na água para ajudar a separar as cascas e não esqueça de drenar depois.

    Anúncio

Método 2 de 5: Germinando Sementes

  1. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 6
    1

    Comece com cerca de uma xícara de sementes da sua escolha. Quaisquer sementes orgânicas e comestíveis são apropriadas para o cultivo de brotos. O processo de colocar de molho abre as cascas para ativar o a germinação, resultando numa refeição leve nutritiva que não é diferente da semente original, mas carregada com nutrientes.

    • Sementes comestíveis como abóbora, girassol e gergelim são muito usadas para isso. Elas crescem rápido e os brotos são deliciosos como uma comida altamente nutritiva.
    • Sementes de hortaliças como trevo, alfafa, rabanete, repolho ou couve dão brotos tenros carregados com micronutrientes. Estes são os tipos de brotos mais comumente servidos em sanduíches e aperitivos de vegetais.
  2. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 7
    2

    Coloque de molho na água gelada por 4 a 6 horas. Coloque as sementes na sua jarra para brotos e então cubra elas com água filtrada fria até 2,5 cm acima delas. Se as sementes estiverem com poeira ou cobertas com outro sedimento, dê uma lavada primeiro antes de colocar na água.

    • Deixe na água por 4 horas em temperatura ambiente. Pode deixar a jarra no balcão da sua cozinha se quiser. Depois drene bem e deixe as sementes começarem a brotar. [2]
  3. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 8
    3

    Deixe as sementes germinarem por cerca de 12 a 24 horas. Depois de drenar a água, não faça nada por cerca de um dia. Elas vão começar a se ativar como se estivessem se preparando para crescer e continuarão no rumo para produzir brotos. Depois de um dia vão estar prontas para comer!

    • Depois de um dia, remova as sementes do pote e ponha-as numa toalha de papel para secar. Coloque-as numa tigela ou outro recipiente e mantenha na geladeira. Elas estarão boas por vários dias e prontas para comer.
    • Em geral, sementes de gergelim ficam bem amargas se deixadas por mais de seis horas. Tente coletá-las antes disso e seque-as bem.
  4. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 9
    4

    Deixe sementes de hortaliças germinarem por cerca de 6 dias. Estas sementes levam um pouco mais de tempo para brotar até o comprimento desejado, levando até 5 ou 6 dias. Embora elas sejam comestíveis em qualquer estágio do processo, os brotos resultantes são normalmente mais macios e nutritivos depois de alguns dias. Lave regularmente e seque minuciosamente, preferencialmente guardando o pote de cabeça para baixo para que a umidade excessiva possa sair e manter os brotos frescos.

    • Use seus olhos e nariz para checar a frescura dos brotos. Eles começarão a ficar marrons e exalar um cheiro levemente clorado quando acontecer isso.
  5. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 10
    5
    Considere cultivar brotos de castanhas para comer imediatamente. Castanhas como amêndoas, avelãs e outras sementes oleaginosas são normalmente deixadas de molho por algumas horas para “ativá-las” e torná-las mais nutritivas. Os benefícios nutricionais das castanhas deixadas no molho para ativar a germinação antes de comer, não é de certa forma confirmado, mas se estiver interessado em tentar, é algo fácil de se realizar.

    Anúncio

Método 3 de 5: Germinando Legumes

  1. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 11
    1

    Escolha um feijão ou legume para cultivar. Talvez o mais querido e mais famosos dos brotos seja o broto de feijão. Os brotos de legumes geram protuberâncias grossas que são nutritivas e com um gosto ótimo, cheias de micronutrientes ativos e sabor. Os legumes comuns para o cultivo de brotos incluem:

    • lentilhas, verdes ou marrons principalmente
    • grãos-de-bico
    • feijões-verdes, que são comumente vendidos nas lojas como “brotos de feijão”
    • ervilhas verdes
  2. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 12
    2

    Coloque os legumes em água morna. Comece com cerca de meia xícara de feijões secos (eles começam a inchar quando absorvem água e se desprendem da casca). A água não deve estar quente mas sim morna, como uma xícara de chá que você deixou sozinha por algum tempo. No seu pote de brotos, coloque os feijões de molho por pelo menos 12 horas.

    • Devido ao fato de os legumes incharem consideravelmente, certifique-se de que haja espaço suficiente no pote e cubra os feijões com vários centímetros de água para garantir que eles fiquem submersos.
  3. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 13
    3

    Deixe germinar por 3 dias inteiros. Lave os feijões duas vezes e guarde-os no recipiente de cabeça para baixo para drenar adequadamente enquanto os brotos crescem. Em alguma hora no primeiro ou segundo dia, você pode precisar chacoalhar o pote um pouco para remover as cascas. Adicione um pouco de água e mexa ele gentilmente para removê-las. Se algumas ficarem não se preocupe. Você pode tirá-las antes de comer se necessário.

    • Feijões-azuqui geralmente precisam de cerca de 4 dias para germinar até o seu máximo como broto e ficar mais delicioso. Dê um tempo extra a eles.
  4. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 14
    4

    Seque os brotos e guarde-os na geladeira. Depois de que o período de germinação acabar, retire os brotos do pote, seque-os com cuidado e retire as cascas extras que não foram separadas, ou deixe-as (elas são comestíveis, embora um pouco amargas). Eles vão ficar bons na geladeira por cerca de uma semana se você ficar de olho e mantê-los relativamente secos.

    • Brotos de feijão são particularmente bons como uma cobertura para sopas à base de caldo de carne, como o pho vietnamita ou outros pratos condimentados. Eles também são ótimos em saldas e sanduíches.

    Anúncio

Método 4 de 5: Germinando Grãos

  1. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 15
    1

    Escolha um grão para germinar como uma alternativa ao grão puro. Uma vez que grãos inteiros não são digeríveis a menos que sejam cozidos, fica difícil para entusiastas de comida pura aproveitá-los. No entanto, os grãos germinados são facilmente digeríveis e nutritivos. Sem cozinhar e destruir seus micronutrientes, você pode degustar grãos inteiros com o centeio, trigo, cevada ou milho.

    • O grão germinados neutralizam o ácido fítico que é difícil de digerir, liberando vitaminas e nutrientes que geralmente não se apresentam no grão puro. Isto torna eles ideais para mingaus, para cozinhar e para fazer farinha germinada. [3]
    • Aveia descascada, do tipo que você compra para fazer mingau de aveia, não vai germinar. Para germinar grãos, você precisa comprar grãos inteiros ainda com a casca, puros e orgânicos. Outros tipos de grãos vão apenas ser colocados de molho. Você pode fermentar farinha de aveia com pasta de missô para uma opção rápida de cultura viva.
  2. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 16
    2

    Coloque os grãos inteiros de molho em água morna. O grão vai triplicar de tamanho com este processo, então é importante começar com um pote ou bacia grande o suficiente para acomodar três vezes a quantidade de farinha que você vai colocar de molho. Deixe os grãos de molho por cerca de 6 horas, depois drene a água e germine-os em temperatura ambiente por cerca de 2 dias. Lave periodicamente e drene bem.

    • O milho precisa passar por um tratamento mais longo, cerca de 12 horas antes de drenar a água e deixar brotar.
    • Amaranto, quinoa e painço, frequentemente confundidos por outas variedade de sementes ou arroz, são na verdade grãos alcalinos, e são perfeitamente germináveis usando este método.
    • Cevada não vai brotar na verdade, mas você pode ativar o processo de germinação como é feito quando se malta a cevada para fazer álcool, “germinando-a” por cerca de 12 horas. Isto vai ativar o processo e começar a romper as cascas.
  3. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 17
    3
    Faça farinha germinada. Para transformar grãos germinados em farinha, você vai precisar de um desidratador de alimentos e um moedor projetado para grãos. Depois de eles terem germinado, desidrate-os por 12 horas e triture para formar uma farinha fina totalmente integrada, peneirando depois se quiser. Pode guardar esta farinha no congelador para mantê-la e usá-la como se fosse farinha de trigo ou outra farinha de panificação. [4]

    Anúncio

Método 5 de 5: Cultivando Brotos e Microvegetais

  1. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 18
    1

    Germine seus microvegetais para um projeto mais substancial. O processo para começar uma pequena remessa de microvegetais como broto de trigo germinado e brotos também germinados de ervilha e girassol, são notadamente similares, embora exijam mais equipamentos do que germinar na sua cozinha. Você vai poder colher várias culturas de verduras germinadas de alto rendimento, tornando-as um bom investimento, principalmente se você gosta de brotos de trigo ou outros brotos frescos na sua salada.

    • Comece fazendo o usual, colocando de molho os grãos de trigo, as ervilhas verdes ou girassóis num pote e deixá-los germinar antes de lavar eles e colocar numa bandeja de semeadura.
    • Os brotos precisam ter raízes de cerca de 60 mm aparecendo antes de movê-los para a bandeja. Dependendo do que vai plantar, isto pode levar um tempo variável, possivelmente 3 ou 4 dias. [5]
  2. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 19
    2
    Tenha algumas bandejas de semeadura (ou sementeiras). Um sistema de germinação externa geralmente consiste de bandejas para os brotos crescerem dentro, com uma malha ou buracos no fundo para drenagem. Estas sementeiras estão normalmente disponíveis em lojas de jardinagem, ou você pode fazer a sua própria furando alguns buracos no fundo de uma bandeja grande o suficiente para acomodar cerca de 0,1 m² de terra.
  3. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 20
    3

    Preencha as bandejas com terra. Encha-as com uma quantidade generosa de terra. Não é preciso muita, já que os brotos vão crescer mais na parte de cima e não produzirão sistemas grandes de raízes, mas é melhor ter o suficiente para prender a umidade, de forma que você não precise se preocupar se os seus brotos vão secar.

    • Umedeça bem o solo com água e deixe quaisquer poças se dissiparem antes de colocar seus brotos na terra.
    • Também é comum preencher o fundo da sementeira com pequenas partes de manta para manter o solo úmido por baixo, e misturar uma pequena quantidade de vermiculita – cerca de uma xícara para uma bandeja de 25,4 por 25,4 cm – para estimular o crescimento.
  4. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 21
    4
    Coloque os brotos na terra. Espalhe-os igualmente no topo do solo, de forma que não fique um sobre o outro, o que pode causar mofo. Use uma bandeja de cobertura ou alguma outra coisa para cobrir a bandeja. Empurre as sementes levemente no solo para assentá-las, mas seja gentil. Você não precisa “plantá-las”.
  5. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 22
    5
    Regue duas vezes ao dia e mantenha-os sob luz baixa. Algumas vezes ao dia, regue seus brotos e fique de olho neles. Garanta que estejam tendo água suficiente e circulação de ar para promover o crescimento, e tente mantê-los numa temperatura ambiente, se possível. Cultivar brotos num telheiro, num galpão ou num alpendre podem ser bons lugares para realizar este processo desta forma.
  6. Imagem intitulada Grow Sprouts Step 23
    6
    Colha os brotos ou grama em cerca de 10 dias. O broto de trigo vai estar alto e verdejante depois de uma semana, mas espere mais alguns dias para que chegue no seu ápice nutricional. Brotos de ervilha vão encorpar e adquirir um adorável tom de verde e alcançarão seu pico de maciez e sabor por volta do décimo dia. Colha a parte de cima e deixe o resto crescendo se quiser, ou considere plantá-los para começar sua própria plantação.

    Anúncio

Dicas

  • Para fazer os brotos de feijão-verde ficarem grossos, ponha alguma coisa pesada sobre eles enquanto estiverem crescendo.
  • Girassóis podem ser germinados com sementes descascadas ou com casca. Brotos de girassol (deliciosos!) são melhores germinados a partir de sementes pretas com casca, por aproximadamente 10 dias. As sementes descascadas ao contrário, devem germinadas por um dia depois de serem colocadas de molho, e podem ser usadas sobre uma salada ou em um patê.
  • Misturar sementes mucilaginosas como a mostarda ou linho com os vegetais “normais” para germinar como os feijões-verdes e espelta (ou trigo-vermelho), vai ajudar a reter melhor a umidade e reduzir a necessidade de lavá-los frequentemente; as sementes de mostarda dão aos seus brotos uma ” vitaminada”. No entanto, isso pode não funcionar da maneira esperada se você não consumir os brotos até o terceiro dia, pois a umidade adicional aumenta o risco de mofo.
  • Beber a água do molho e a que foi usada para lavar pode ser agradável e nutritivo também, principalmente se você estiver usando uma semente flavorizante na mistura como a cariz.
  • Considere a obtenção de um sistema automatizado de germinação. Ele vai regar automaticamente os brotos para você.
  • Se estiver germinando em um pote raso ou em copos ao invés de recipientes para germinação, o uso de um coador (inclusive o coador de café) pode se mostrar inestimável quando drenar a água de molho e quando lavar.
  • Adicionar sementes não brotáveis como cariz, funcho, erva-doce ou gergelim podem melhorar grandemente a palatabilidade do produto final.

Anúncio

Avisos

  • Não coma os brotos se eles ficarem mofados por falta de drenagem apropriada.

Materiais Necessários

  • Sementes Orgânicas
  • Pote para brotos ou um sprouter
  • Água e drenagem
  • Tela

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *